Cinema & Séries - Traillers List

Notícias em Banana News
www.bananaquantica.com.br

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Documentário da BBC sobre Steve Ditko - Co-criador do Homem Aranha.

Jonathan Ross apresenta um documentário sobre a carreira de Steve Ditko. Stephen "Steve" J. Ditko, é um desenhista e roteirista norte-americano que ao lado do editor e roteirista Stan Lee criou em 1962 o super-herói Homem-Aranha e a maioria dos mais famosos coadjuvantes e vilões clássicos do personagem.


Em busca de Steve Ditko é um documentário BBC 4. Foi exibido pela primeira vez no domingo, 16 de setembro de 2007. O documentário faz parte da temporada de Britannia Comics e segue tentativas de Jonathan Ross "para rastrear quadrinhos do artista Steve Ditko. O programa contou com entrevistas com criadores de quadrinhos, editores e outros, incluindo Jerry Robinson, John Romita Sr., Neil Gaiman, Joe Quesada, Ralph Macchio, Steinberg Flo, Alan Moore, Mark Millar, Stan Lee, e Yronwode Gato.

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

A história da Liga da Justiça - vídeo

Está aí um documentário de 40 minutos, fala um pouco da criação da DC Comics, mas principalmente sobre a criação da Liga da Justiça, passando pelas eras de ouro, prata, até atualidade contada pelos caras que criaram e ajudaram a empresa nascer e se tornar a gigante que é hoje.



Uma ótima referência e servirá de insumo para "A História dos Quadrinhos" uma sessão inteira do blog Banana Quântica dedicada a destrinchar essa forma de arte.

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Pacific Rim... Rangers?


Ok, Hollywood pegou tudo que os japoneses fazem há anos como: Jaspion, changeman, flashman, Power Rangers e todos os Animes como os vários Gundans que existem e colocou em um filme milionário - Pacific Rim

Curta o trailer:


Agora é a hora da vingança, se seu pai assistir e gostar, você pode dizer que isso aí é a mesma coisa que o Power Rangers bôbos que você assitia só que com muuuuito mais dinheiro. :-)

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Tutorial - Painting em Photoshop: do Sketch a Arte Final.

Esse é um tutorial de referência sobre painting em Photoshop. Julie Dilon parte do sketch até a pintura final. Vale a pena acompanhar, a riqueza e a preocupação com os detalhes é de deixar cansado só de observar  :-) . São mais de 2 horas de vídeo acelerado, então se acomoda bem aí na cadeira, aprenda e divirta-se.



O mais engraçado é que tem horas que ele refaz ou redimensiona algo que não gostou e apaga um monte de coisas que - já estavam boas :-) -  nesse momento você diz:
- nããããoooo, vai ter que começar tudo de novo!
E com a maior paciência ele vai lá e faz.
Muito bom, quem dera eu tivesse tal paciência.

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Street Art 508 sul - parte 1

Desde que foi reinaugurado em 1993 o prédio da secretaria de cultura, conhecido como Espaço Cultural Renato Russo apoia os artistas de rua e não por acaso sua pintura externa é um constante mural destes artistas da intervenção urbana. Abaixo uma sequencia de fotos de um dos painéis.

sábado, 8 de dezembro de 2012

Crítica Quântica - Liga da Justiça - Reboot: fim do primeiro arco!

A Edição número seis da Liga da Justiça - do reboot novos 52 da DC - fecha o primeiro arco de estórias do grupo de heróis da DC Comics. Foi um arco bem curto, que serviu para apresentar o grupo de superseres  aos novos leitores e o saldo não me parece muito animador - segundo a opinião deste humilde "tecladista de blog" que vos fala. Quando houve o reboot resolvi acompanhar três títulos para ver se conseguia retomar o ritmo que tinha quando lia mensalmente os números de Spawn. Vou dizer uma coisa pra vocês! Por incrível que pareça, foi duro!

Comecei comprando os títulos da Liga da justiça, do Superman e do Batman - este último já acompanhava de maneira eventual - comprando uma sequencia que contava um arco de estória aqui e ali. Acompanhei os três títulos paralelamente até o número 3 de cada uma, foi quando comecei a perder a paciência com os números de Superman e Batman, mas segui em frente com a Liga da Justiça, pois parecia a mais promissora dentre os que li.


sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

THOR - The Dark World ..... Legacy?

Seguindo a onda Dark do cinema - saiu mais um poster conceito, quentinho, feito por Olly Moss para o filme Thor 2 - The Dark World.


E seguindo a onda de Dejavu de posters, segue abaixo a imagem que materializa a sensação que tive ao ver o poster do THOR.


Que trocando o N pelo H e aliterando as letras é a cópia justinha do conceito do primeiro cartaz de TRON de 1982 e utilizado - posteriormente - no cartaz da continuação TRON Legacy de 2010. Este segundo é uma releitura do cartaz que foi um ícone na década de 80.



segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Star Trek - Into Darkness... rises?

Saiu quentinho da prensa o novo poster do Star Trek Into Darkness, que estréia dia 17 de maio de 2013 nos EUA. confiram...



Mas espera aí!!! acho que tive um Dejavu!! Será que o capitão Kirk voltou no tempo e ao invés de resgatar uma baleia jubarte pra conter uma invasão alienígena, ele foi para em um universo alternativo e acabou em Gotham City? Parece que sim, pois é só bater o olho e reconhecer o mesmo estilo - quase idênticos em sua execução - do poster do filme Batman - The Dark Knight Rises. Bom, vai ver que tudo o que é Dark tem que ter esse jeitão aí!! :-)




sábado, 1 de dezembro de 2012

Sexo dos Anjos

Essa é pra relaxar.
Você sabe qual é o sexo dos anjos? 
O anjinho da turma da Mônica te responde.



Fonte: Site oficial da turma da Mônica, veja a estória completa no endereço: http://www.monica.com.br/comics/anjos2/welcome.htm



sexta-feira, 30 de novembro de 2012

A Jornada do Herói: de Jung a Campbell.


Para aqueles jovens escritores ou desenhistas que gostam de conceber seus personagens mas não fazem a menor ideia de como contar sua estória, apresento a vocês uma metodologia. Este conceito é base, ainda hoje, para a maioria das estórias de heróis sejam elas publicadas em livros, quadrinhos, teatro ou cinema.

Joseph Campbell em 1949 escreveu um livro chamado O herói de mil faces. Neste livro propõe um caminho onde obrigatoriamente a estória do herói ou monomito deve passar para que se torne um enredo interessante e que se faça reconhecer a figura do herói no crescimento alcançado e na conquista de cada etapa deste trajeto.

A idéia de monomito em Campbell explica sua ubiquidade (estar em todos lugares ao mesmo tempo - como se fosse uma fusão de várias teorias) por meio de uma mescla entre o conceito junguiano de arquétipos (arquétipo do herói), forças inconscientes da concepção freudiana, e a estruturação dos ritos de passagem por Arnold van Gennep.

Pois bem, com base nestes conceitos Campbell faz sua pesquisa sobre a estrutura de mitos, lendas  e fábulas. Sua conclusão foi que, em todas as histórias, existe um herói e que a narrativa gira em torno de suas aventuras. Nem sempre o herói é um ser humano, podendo ser um grupo de pessoas, um animal ou uma figura mitológica.

Partindo disto Campbell desenvolveu uma estrutura de eventos que demonstra que o herói passa por doze etapas. são elas:



domingo, 25 de novembro de 2012

The Digital Comic Museum - Antigos quadrinhos para download gratuito.

Já é possível baixar exemplares históricos da Era de Ouro dos quadrinhos e conhecer melhor sobre as estórias contadas naquela época.


A Era de Ouro começou em 1938 com o surgimento do Super-Homem na revista Action Comics número 1, publicada pela DC Comics. Super Homem, o primeiro super-herói, foi tão popular que logo o gênero passou a dominar as páginas das revistas e, nos meses seguintes a DC surgiria com Aquaman, Gavião Negro, Lanterna Verde, Flash ou Joel Ciclone como era conhecido no Brasil, Mulher Maravilha, Batman e Robin.

Estas obras caíram no domínio público, que no Direito da Propriedade Intelectual, é o conjunto de obras culturais, de tecnologia ou de informação (livros, artigos, obras musicais, invenções e outros) de livre uso comercial, porque não são mais submetidas a direitos patrimoniais exclusivos de alguma pessoa física ou jurídica.

Neste caso a Digital Comic Museum (DCM) está coletando os títulos, digitalizando-os e disponibilizando eletronicamente via WEB. Resumindo, você acessa o site http://digitalcomicmuseum.com/  procura pelo título que deseja e faz o download .

O DCM foi criado em 2010 e é hoje o maior acervo conhecido de quadrinhos antigos e disponíveis para download. Navegando pelo site é possível encontrar os mais variados títulos. O Museu funciona com doações, logo é possível, ou fornecer o material impresso, ou scanea-lo para que se possa incluir no acervo digital. É possível ainda acessar um preview das revistas online, contudo, para baixa-las é necessário fazer o registro no site.

E tem mais! Se você garimpar bem direitinho é possível que ache preciosidades como esta The Spirit n1 -1952 de Will Eisner.



Eles tem as 5 primeiras edições da The Spirit 1952 do mestre Will Eisner.
Só por isso já vale a visita hein!!
Bom garimpo pra você!

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Mostra reúne trabalhos de importantes ilustradores argentinos.

Mostra reúne trabalhos de importantes ilustradores argentinos - Diversão e Arte - Correio Braziliense

Montada, a partir de hoje (22 de novembro de 2012), no Espaço Cultural Renato Russo (508 Sul), Brasília-DF.


“A mostra é um painel sobre toda a produção da história argentina. As obras mais antigas não tinham originais, uma vez que eram feitas sobre pedra litográfica, daí serem retratadas em material de jornais do século 19”, explica a curadora Judith Gociol, ao falar das reproduções tiradas de exposição criada para a Feira do Livro de Frankfurt 2010, quando a Argentina foi homenageada.


Seguirá aberta ao público até dia 3 de fevereiro de 2013 com visitação diária, sempre das 9h às 21h.

fonte: Correio Braziliense
veja mais sobre a matéria no link acima.

Bom eu mesmo darei um pulo por lá e postarei minhas impressões da mostra. ;-)

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Ziraldo - Série Quadrinistas Brasileiros.


Ziraldo Alves Pinto nasceu em 24 de outubro de 1932, em Caratinga, Minas Gerais. É o mais velho de uma família de sete irmãos. Seu nome vem da combinação dos nomes de sua mãe, Zizinha, com o de seu pai, Geraldo. Assim surgiu o Ziraldo, um nome único.

Passou a infância em Caratinga, onde cursou o Grupo Escolar Princesa Isabel.

Desenha desde que se entende por gente. Quando criança, desenhava em todos os lugares - na calçada, nas paredes, na sala de aula... Outra de suas paixões desde a infância é a leitura. Lia tudo que lhe caía nas mãos: Monteiro Lobato, Viriato Correa, Clemente Luz (O Mágico), e todas as revistas em quadrinhos da época. Já nesse momento, ao ler as páginas do primeiro "gibi", sentiu que ali estava o seu futuro.

É irmão do também desenhista, cartunista, jornalista e escritor Zélio Alves Pinto e também de Ziralzi Alves Pinto, seu grande irmão.  Em 1949 foi com o avô para o Rio de Janeiro, onde cursou dois anos no MABE (Moderna Associação de Ensino). Em 1950 voltou para Caratinga para fazer o Tiro de Guerra. Terminou o Científico no Colégio Nossa Senhora das Graças. Em 1957, formou-se em Direito na Faculdade de Direito de Minas Gerais, em Belo Horizonte.

No ano seguinte casou-se com Vilma Gontijo, após sete anos de namoro. Ziraldo tem três filhos - Daniela, Fabrízia e Antônio - e seis netos.

Ziraldo é cartunista, chargista, pintor, dramaturgo, caricaturista, escritor, cronista, desenhista, humorista, colunista e jornalista brasileiro. É o criador de personagens famosos, como o Menino Maluquinho, e é, atualmente, um dos mais conhecidos e aclamados escritores infantis do Brasil.


quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Releitura fantástica de He-man e She-ha.

É muito difícil eu elogiar tão descaradamente qualquer coisa que seja mas essa releitura do He-man e da She-ha ficou Fantástica. Essa é pra vocês 80s boys and girls.





O artista é o croata Stjepan Sejic, atualmente trabalha com quadrinhos para o Top Cow desenhando e ilustrando o título Ravina da editora.

A coleção de ilustrações sobre os Mestres do Universo - He-man e She-ha - é uma fanart que desenvolve e publica no Devianart sob o codinome Nebezial (http://nebezial.deviantart.com/gallery/38836020?offset=0). 

O tom Sombrio medieval dado pelo artista ficou simplesmente fantástico, encaixou perfeitamente nos interesses dos moleques 80s - como eu - que gostariam de ver uma releitura para um filme ou HQ dos personagens que povoavam nossa imaginação na infância.

sábado, 10 de novembro de 2012

DOYON - Para os garimpeiros de plantão, mais uma novidade nos quadrinhos Brasilienses.

Navegando pela internet eis que me deparo com uma grata surpresa no mundo dos quadrinhos brasilienses. Em matéria publicada no portal Alô, me deparo com uma matéria a respeito de um quadrinho feito por autores brasilienses. Como estou sempre remexendo novidades gosto sempre de ler algo novo e se for pequeno, local e em estado de gestação aí que me interesso mesmo.  :-)

Doyon é o nome da publicação, a primeira coisa que fazemos é obviamente acessar o site (http://www.cubocomics.com.br) e por lá já da pra ter uma ideia do contexto da história. E segundo eles o título conta a seguinte estória:

"Doyon é a história de um agente da Polícia Especial de Brasília chamado David Silva. Infiltrado no crime organizado da capital do país, se envolvendo em busca de conseguir as informações necessárias a fim de efetivar a prisão de um traficante da região. Após a prisão, o criminoso descobre a verdadeira identidade do agente especial e usa de sua influência para não deixar as coisas tão perfeitas como estão. Vítima de um atentado em sua casa, David perde tudo sobre sua vida e fica em estado vegetativo.
Dias após acordar do coma e passar por uma bateria de exames de check-up, David já não é mais o mesmo e surgem novas dificuldades em seu caminho. Agora paraplégico sua vida definha em um estágio deplorável. 
Escolhido por um ser além da compreensão humana, por algo sobrenatural que irá modificar sua vida. Uma nova luz o despertará. Sua verdadeira origem vem à tona. A lenda de um povo Indígena chamado Morubo se revela, transformando-o em um Guardião Doyon.  Com novas habilidades, desconhecidas até mesmo por si próprio, é guiado através do seu novo instinto, David se vê na trilha da única pessoa que sabe a real história sobre seu passado. Entre muita ação e suspense nas ruas e becos de Brasília, uma perseguição em busca dessa testemunha. Rompendo os limites entre herói e vilão."
(sinopse retirada do site da Cubo Comics)

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Mark Hamill e Carrie Fisher já sabiam - Sim os irmãos Skywalker sabiam 1 ano antes de todo mundo sobre a nova trilogia!!!

Sim, os irmãos Luke e Léia já sabiam - Mark Hamill, em entrevista concedida a revista Entertainment Weekly informou que Geoge Lucas pretendia fazer a continuação da saga com mais uma trilogia iniciada pelo episódio VII. Segundo Hamill, foi em um almoço com Lucas e Carrie Fisher (princesa Léia). George falou da vontade de continuar a saga só que agora sob uma nova tutela de produção:
Traduzindo a entrevista concedida a Entertainment Weekly por Mark Hamill, o eterno Luke Skywalker disse:
Weekly: Como foi receber esta notícia?
Mark Hamill:  Oh meu Deus, foi um choque! Eu não tinha ideia de que George tinha vendido (a Lucas Films) para a Disney até eu lê-lo on-line, como todo mundo. Ele nos falou, no verão passado, sobre o desejo de seguir em frente e fazer [ Episódios ] VII, VIII, e IX , e que [recém-nomeada presidente da Lucasfilm] Kathleen Kennedy estava encarregada de produzi-los. Ele parece estar muito bem. Ele está muito feliz. E isso é bom, porque eu sei que, quando fazíamos os filmes (primeira trilogia década de 70), ele não era um cara alegre no set. [ Risos ] Eu sempre me senti mal por ele, porque ele agonizava com os detalhes, e tenho certeza que depois de ter imaginando tudo isso na sua cabeça durante muitos anos, para vê-lo realizado - ele olhava para cima e só virava a cabeça para traz e gemia (de insatisfação). Harrison [Ford], Carrie [Fisher], e eu estávamos sempre tentando animá-lo e brincando para tira-lo fora de sua desgraça e tristeza. Ele me ligou ontem mas não consegui atende-lo, mas falei com eles a três semanas atras.Contudo até que saibamos mais informações é difícil dizer qualquer coisa que não seja parabéns George.


Weekly: Então, você se encontrou com George no verão passado e ele lhe contou sobre seus planos de fazer uma outra trilogia?
Mark Hamill: Sim, em agosto passado, ele chamou Carrie e eu para almoçar com ele. Eu pensei que ele ia falar sobre a aposentadoria ou a série de TV  de Star Wars que eu ouvi falar -  não achei que nós estávamos indo para ser envolvidos de qualquer maneira, porque o que acontece entre a nova trilogia e a antiga, caso Luke estivesse neles, ele seria algo entre uma criança  e um adolescente e provavelmente procuravam obter um ator apropriado para a idade - ou algo relacionado aos lançamentos em 3-D. Então, quando ele disse: "Nós decidimos que vamos fazer Episódios VII , VIII e IX , "Eu fiquei chocado. "O quê? Você está louco? "[ Risos ] Bem! Eu posso ver tudo isso por dois lados. Porque de certa forma, houve um começo, um meio e um fim e que todos viveram felizes para sempre e que é assim que deve ser - e é ótimo que as pessoas tenham boas recordações, se é que eles têm boas lembranças. Mas, por outro lado, há o desejo voraz por parte dos verdadeiros crentes para ter mais material e mais e mais. É uma daquelas coisas: as pessoas ou simplesmente não ligam para isso, ou são completamente apaixonados por ela. Eu acho que isso define tudo sobre os filmes Cults. Vamos ver. Estou ansioso para saber o que vai acontecer, mas a grande novidade foi a venda para a Disney. Eu tenho sentimentos mistos sobre isso, mas eles não decepcionaram com a Marvel, os Muppets e a Pixar. É uma daquelas grandes decisões que à primeira vista parece estranho, mas depois que você olha com cuidado, faz sentido.

Weekly: Quando você almoçou com George, ele te falou sobre todos os detalhes com você? sobre onde a história iria nos próximos três filmes, ou se você faria parte deles?
Mark Hamill: Bem, não, ele estava apenas falando sobre o fato de existir (outros) escritores e que ele não estaria dirigindo. Eu acho que ele queria que nós soubéssemos antes de todo mundo. Ele disse: "Agora você não pode contar a ninguém!" [ Risos ] Agora mesmo estou nervoso sobre o que dizer. Eu só não sei!



entrevista veiculada no dia 31 de outubro de 2012 na revista Entertainment Weekly.
(veja a matéria no idioma original pelo link acima.)




terça-feira, 30 de outubro de 2012

Disney Compra Lucas Films por US$ 4,05 bilhões.

É isso aí gurizada! Não, George Lucas não está trollando os nerds do mundo inteiro, não adianta ficar aí parado fazendo essa cara de forever alone.

Parafraseando o comercial da Brahma para copa do mundo:
A disney comprou a Lucas films sssiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiimmmmmmmmmmmmm;
O Indiana Jones é propriedade da Disney Siiiiiiiiiiiiiiiiiimmmmmmmmmmmmmmm;
A industrial Magic & arts pertence a Disney   Ssssiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiimmmmmmmmmm;
Até mesmo a divisão de games - LucasArts - e Skywalkersound, de efeitos sonoros da companhia entrou no pacote  siiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiimmmmmmmmmmmmmmmm.

Agora Imagine a FESTA!!!!
Bom a festa já começou, a Disney prontamente anunciou Star Wars episódio VII já para 2015.
Boato? Não é não! confira os vídeos abaixo e veja você mesmo.

sábado, 6 de outubro de 2012

Baú Quântico: Bhelial n.6 - Achada nas prateleira dos fundos de uma banca de quadra.


Eu juro que não estava procurando, fui a banca pra procurar a quarta edição do reboot da liga da justiça, mas sempre dou uma fuçada em todas as prateleiras para conferir as novidades. Pra minha surpresa encontro uma fileira com umas 10 revistas da da edição número 6 da BHELIAL! Me surpreendi, pensei comigo:

- Ué estão relançando Bhelial? O que faz este monte de revistas na prateleira de uma banca de quadra?

Foi quando comecei a conferir as páginas  e constatei que a impressão foi feita em 2001. São 11 anos na prateleira, mas a revista ainda estava interassa. Não contei conversa, comprei - 3 reais o preço de capa.

Para àqueles que nunca ouviram falar de Bhelial, esta é uma revista em quadrinhos feita em Brasília, tem o título de seu personagem principal criado por Kelly Alves  & Rafael Pinheiro.

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Street Art na 408/409 norte


Passeando pela cidade a um tempo atrás encontrei a lixeira do Pão de Açúcar da 408/409 norte aqui no plano piloto em Brasília, com mais esta arte.

Outra que foi encomendado e ficou bem legal. Traço que mistura sombras e linhas que representam uma variação da figura humana. Compôs bem o visual e ficou com uma aplicação bem bacana!!!



sábado, 29 de setembro de 2012

Baú Quântico: O último Guerreiro das Estrelas.

Em tempos de remakes de 80s movies, vai aí uma dica para os estúdios Hollywoodianos.  O Último Guerreiro das Estrelas (The Last Starfigther) de 1984.

Para quem tinha 9 anos de idade, como eu, era o máximo - não chegava ao nível de Star Wars, mas era muito bem feito para tecnologia que tínhamos até então. Existem cenas em que podemos perceber as naves construídas com computação gráfica e em outros momentos as feitas de maquete. Mas o roteiro é apaixonante e completamente atual.



O filme conta a estória de um garoto que domina o fliperama "Starfighter" - sim fliperama era como jogávamos naquela época :-) - Nos termos de hoje, ele fechou o jogo. Este fliperama era, na verdade, um simulador de uma nave combate colocado na terra por um alienígena que recrutava guerreiros. Eram convocados para engrossar as fileiras da união interplanetária e defender a fronteira entre Xun e a armada de Ko-Dan.

domingo, 23 de setembro de 2012

Dica Quantica: Reinventando os Quadrinhos.

A dica quântica desta vez é o título: Reinventando os Quadrinhos de Scott McCloud. Como diz a capa é o mesmo autor de Desvendado os Quadrinhos - este eu não li - e nesta, por assim dizer, continuação Scott faz um levantamento do que ele identifica como as doze revoluções que influenciam a criação, a leitura e percepção dos quadrinhos atualmente.


O livro é dividido em duas partes principais. Na primeira parte ele aborda os seguintes tópicos: A vida dos quadrinhos como forma de arte e literatura; A batalha pelos direitos dos criadores; A reinvenção do negócio dos quadrinhos; A percepção volátil  e transitória que o público tem dos quadrinhos; A representação sexual e étnica nesse meio. Na segunda parte do livro ele aborda o retrato das revoluções digitais nos quadrinhos, incluindo: A complexidade da produção digital; O explosivo mundo da difusão online; Os desafios decisivos do infinito cenário digital.

O mais interessante é que são 241 paginas com uma narrativa feita em quadrinhos, o personagem de McCloud perpassa todos os tópicos utilizando arte sequencial para abordar os temas. Muito bom, e recomento.

Por: Rodrigo Nunes

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Grailpages - O colecionismo: A arte pura dos desenhos a mão livre.

Essa é para quem - como eu - curte estudar a arte do desenho na sua forma mais crua.

Navegando pelo ISSU e pesquisando sobre Comic Books, encontrei esta publicação: Grailpages, que fala sobre o colecionismos de páginas de quadrinhos em seu estado original. As páginas estão desenhadas a mão e no máximo com a arte final como acabamento. O texto esta todo em inglês, mas é interessante a visão que se tem sobre esse tipo de material. É considerado obras primas na arte de montar cenários, cenas de ação, situações e composições usando somente tinta preta sobre o papel branco. Muito bom, clique no link abaixo para visualizar a publicação de Steven Alan Payne.



terça-feira, 18 de setembro de 2012

Street Art na 403/404 norte.

Passeando pela cidade a um tempo atrás encontrei a lixeira do Big Box da 403/404 norte aqui no plano piloto em Brasília, com esta arte.

Obviamente foi encomendado e ficou bem legal. Traço firme, com luzes e sombras bem trabalhadas. Sem falar da arte, por ser um maquinário - uma arma - exige traços retos e figuras geométricas regulares, tanto nas angulações das arestas quanto na curvatura de círculos. Ficou o bicho!!!


sábado, 15 de setembro de 2012

Baú Quântico : O Retorno de Superman

De volta aos quadrinhos que estão pegando poeira no fundo da gaveta! Remexendo o meu baú pessoal eis que encontro uma edição histórica - ainda no formatinho. O arco em 3 revistas do renascimento do Superman de pois da épica luta com Apocalipse e as edições históricas da "Morte do Superman".



quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Referências: Traço rápido do mangá - estilo Chibi.

Esse vídeo é para quem curte o traço rápido do mangá. Nada como uma mão firme, certeza do traço e a simplicidade do mangá - neste vídeo personagens chibi*. Muito bom.


* Chibi é um termo japonês utilizado no contexto de anime ou mangá para descrever um traço de desenho de personagem bastante estilizado, com cabeças no mesmo tamanho dos corpos, geralmente para obter um efeito cômico ou mais sentimental. Um traço marcante dos chibi é que quase sempre não é desenhado o nariz, o traço da boca nem sempre é finalizado e os traços em geral são bem simplificados. Outras vezes, em vez de um corpo humano, o desenhista coloca a cabeça do personagem em um corpo ou com características de gato, cachorro ou algum outro bicho.


Dica Quântica: Batman Especial Cavaleiro das trevas.


Aí está a dica quântica da vez, uma edição especial do Cavaleiro das Trevas, impressa no Brasil pela Panini Comics. Comprei no mês passado e ainda deve ser encontrada perdida pelas bancos por aí. Nesta edição especial rola um crossover entre Batman e Etrigan, o demônio. E ainda Pinguim, Blaze e metade do inferno :-)

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Crítica Quântica - Batman o cavaleiro das trevas ressurge.

Desta vez tenho que dar o braço a torcer, este último filme do Batman foi sem dúvida o melhor dentre aqueles que já foram feitos. Bom, contando que não gostei de nenhum daqueles que foram feitos anteriormente, já é uma evolução. Não quer dizer, obviamente, que atendeu minhas expectativas de assíduo leitor dos quadrinhos do homem morcego, mas foi - sem dúvida - o roteiro que conseguiram encostar, por semelhança, no arquétipo do herói que acompanho a um bom tempo.



Adaptações, sejam elas de livros, quadrinhos , músicas - sim músicas, alguém ai já viu faroeste caboclo? - ou até de uma peça teatral - para as telonas - sempre sofre um pré-julgamento, porque é simplesmente impossível competir com a imaginação e a forma de envolvimento pessoal do indivíduo que leu um livro ou que se envolve com a dinâmica de uma estória em quadrinhos. A adaptação para o filme pode superar as expectativas, só agradar ou ser uma derrota completa.

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Crítica Quântica: Mercenários 2

Você gosta do gênero, ação e tá afim de se divertir vendo explosões, tiros e pancadaria pra todo lado? Então vá assistir, é isso mesmo - vá! sem compromisso com o roteiro, estória, atuação ou o que quer que seja. Mercenário 2 não é muito diferente do primeiro, o roteiro segue o mesmo nível de "complexidade" mas agora temos mais ingredientes nessa festa - óde - aos anos 80 e 90.

Lembra daqueles filmes de ação em que o cara sozinho detonava um exercito? Pois é, colocaram todas aqueles caras em 1 filme!!!

Vamos lá! Pegue um caldeirão e faça uma mistureba de  filmes como Rambo, Exterminador do futuro, Soldado Universal, Duro de Matar e Bradock, misture com artes marciais Chinesas, japonesas e vale tudo, coloca um garoto de jogos vorazes no meio disso tudo e finaliza com o pai do Chris em "todo mundo odeia Chris" fazendo pose - porque alguém ia mesmo ter que mostrar músculos num filme com heróis sexagenários :-)


Aviso: daqui em diante vou sair atirando e falarei sobre trechos do filme, se não quiser saber agora volte pra comentar quando tiver visto o filme!! Assim você terá a chance de repetir 9 das 10 falas que o Schwarzenegger tem no filme: "I will be back"!

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Rurouni Kenshin - Samurai X no cinema.

É isso aí!! Pegando a mesma onda de tsunami das HQs americanas, os japoneses aparentemente acordaram para o sucesso que o gênero Super-Heroes Action faz e já começaram a se mexer. É inegável que com números de bilheteria com 1,5 bilhão de Vingadores e 1 bilhão em Batman - o cavaleiro das trevas resurge, este é um mercado que vale sim o investimento. O mercado japonês enfim abriu os olhos e produziu a versão para as telonas do mangá e anime Rouroni Kenshin - no Brasil chamado de Samurai X.

Foi uma febre no Japão quando lançado no mês passado, mais de 1 milhão de pessoas já assistiram. A Warner Bros - que não é besta - percebeu o potencial e está distribuindo em outros 64 países pelo mundo. O Brasil, como um grande consumidor de mangas e animes, será um deles.

O melhor de tudo é que é uma produção Japonesa, contada do jeito japonês, aquela mesmo forma de narrativa que estamos acostumados a ler nos mangás e assistir nos animes. Confira o Trailer:




Se você sabe japonês! Tá tudo em Flash e img. :-)
Acesse o site e saiba mais: site oficial do filme

Ainda bem que a produção é japonesa, já pensou uma versão americanizada do Kenshin, já basta o fiasco daquele Goku americano sem noção de uns anos atrás. 

Bem... agora é esperar pra ver por aqui e cruzar os dedos para que passe em sua praça!

domingo, 2 de setembro de 2012

Star Wars - Arte Minimalista

Navegando pela internet para coletar imagens de referencia para meu pinterest eis que descubro eis que descubro esta coleção de arte minimalista com o tema de Star Wars. Pesquisando descobri que foram feitas - e estão assinadas -  por David Duphil, um francês co-fundador de um estúdio de design chamado Gelée Royale. Em seu tempo livre ele criou essa várias telas minimalistas com o tema de Star Wars. Muito bom, uma bela pinagem de referência.


segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Street Art na 509 sul

Estava andando pela Asa Sul de Brasília e me deparei com uma loja da Vivo, estava com porta para rua trabalhada no Street Art. Tem sido uma solução bem comum para evitar pichadores em fachadas com portas pra rua.



Ao lado inferior direito a assinatura do artista, esta é de KS Tigo.




É isso aí, sempre que encontrar continuarei clicando e postando.
confiram também o post Street Art na 109 norte ( http://bananaquantica.blogspot.com/2011/12/street-art-na-209-norte.html ). Todos os post sobre o tema colocarei no menu Street Art ao lado, confiram.




segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Superman de 1948

Olha o achado!!
Navegando no Youtube eis que surge ele o Homem de Aço versão 1948.

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Mike - tirinhas


Regras para tornar sua estória cativante - by Pixar.

Já foi publicada a algum tempo mas é sempre bom relembrar e ajuda a quem precisa construir uma estorinha  "kutkut" ou simplesmente cativante, seja uma estória em quadrinho, uma animação ou algo que o valha. Abaixo estão enumerados 22 pontos reunidos e compilados por vários artistas da Pixar e considerados o básico de uma estória cativante. São eles:




1) Um personagem deve se tornar admirável pela sua tentativa, mais do que pelo seu sucesso.

2) É preciso manter em mente o que te cativa como se você fosse parte da público, e não pensar no que é divertido de fazer como escritor. As duas coisas podem ser bem diferentes.

3) A definição de um tema é importante, mas você só vai descobrir sobre o que realmente é a sua história, quando chegar ao fim dela. Então reescreva.

4) Era uma vez um/uma________. Todo dia,__________. Um dia, então__________. Por causa disso, __________. Por causa disso__________. Até que finalmente_______.

5) Simplifique. Tenha foco. Combine personagens. Não desvie do principal. Você sentirá como se estivesse perdendo material valioso, mas ficará mais livre.

6) No que os seus personagens são bons e o que os deixa confortáveis? Coloque-os no lado oposto a isso. Desafie-os. Como eles lidarão com essas situações?

7) Crie o final antes de saber como será o meio. Sério. Finais são difíceis, então adiante o seu trabalho.

8) Termine a sua história e deixe-a, mesmo que não seja perfeita. Siga em frente. Faça melhor da próxima vez.

9) Quando você tiver um “branco”, faça uma lista do que não irá acontecer no andamento da história. Muitas vezes, é assim que surge a idéia de como continuar ela.

10) Separe as histórias que você gosta. O que você vê de bom nelas é parte de você. É preciso identificar essas características, antes de usá-las.

11) Colocar no papel permite que você comece a consertar as falhas. Se deixar na sua cabeça até aparecer a idéia perfeita, você nunca compartilhará com ninguém.

12) Ignore a primeira coisa que vier a sua cabeça. E a segunda, terceira, quarta, quinta – Tire o óbvio do caminho. Surpreenda a si mesmo.

13) Dê opiniões aos seus personagens. Passivo/maleável pode parecer bom enquanto você escreve, mas é um veneno para o público.

14) Por que você precisa contar essa história? Qual é o combustível que queima dentro dela, e do qual ela se alimenta? Esse é o coração da história.

15) Se você fosse o seu personagem, e estivesse na mesma situação, como você se sentiria? Honestidade dá credibilidade para situações inacreditáveis.

16) O que está em jogo? Nos dê uma razão para nos importarmos com o personagem. O que irá acontecer se ele fracassar? Coloque as probabilidades contra o sucesso.

17) Nenhum material é inútil. Se não está funcionando, largue de mão e siga em frente. Ele pode ser útil mais tarde.

18) Você deve saber a diferença entre dar o seu melhor e ser espalhafatoso. Histórias são para testar, não para refinar.

19) Coincidências que coloquem os personagens em problemas são ótimas; as que os colocam fora deles, são trapaça.

20) Exercício: Divida em pedaços um filme que você não gosta, e o reconstrua de forma que ele se torne um bom filme, na sua opinião.

21) Você deve se identificar com as situações e reações dos seus personagens, e não escrevê-las de qualquer forma. Você agiria da mesma maneira que eles?

22) O que é essencial na sua história? Qual a forma mais curta de contá-la? Se você souber a resposta, pode começar a construí-la a partir daí.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------

É isso aí galera, não foge muito de um manual moderno de roteiro. O negócio é brincar com a estória escrevendo-a e reinventando a mesma até ficar publicável. Esse tipo de roteirização serve para quadrinhos, cinema, teatro e um livro. O mais importante é se divertir com a estória.


fonte: blog The pixar Touch

terça-feira, 17 de julho de 2012

Lista com "todos" filmes para o Cinema e séries de TV adaptados dos quadrinhos.

Listei 359 até então, mas é possível que esteja faltando algo aqui ou ali... :-)
  1. 3 Dev Adam (1973)
  2. 30 Dias de Noite (2007)
  3. 30 Dias de Noite 2: Dias Sombrios (2010)  
  4. 300 de Esparta (2007) Amado (2006)
  5. A Liga Extraordinária (2003)  
  6. A maior parte Unfabulous Social Life of Ethan Green (2005)
  7. Aço, Shaq (1997)  
  8. Aeon Flux (2005)  
  9. Annie / baseado nos quadrinhos Little Orphan Annie (1982)
  10. Anti-Herói Americano (2003)  
  11. Alien vs Predator (2004)
  12. Aliens vs Predator: Requiem (2007)
  13. Archie: Para Riverdale e Back Again (1990)
  14. Art School Confidencial (2006)
  15. Asterix e Obelix contra César (1999)
  16. Asterix e Obelix: Missão Cleópatra (2002)

segunda-feira, 16 de julho de 2012

Glauco - Série Quadrinistas Brasileiros

Para completar a tríade o último componente que faltava, Glauco Villas Boas formava com Laerte e Angeli "Los Três Amigos" - uma amizade que virou cartoon. Trabalha - até sua morte - juntos por 25 anos na Folha de São Paulo e criaram uma sintonia de humor raramente vista no meio.

Bom!!! Começando pelo início, Glauco mudou-se para Ribeirão Preto em 1976, e após ser descoberto pelo jornalista José Hamilton Ribeiro, publicou seus primeiros trabalhos no jornal Diário da Manhã. Foi premiado no Salão Internacional de Humor de Piracicaba em 1977, por um júri formado por Jaguar, Millôr Fernandes, Henfil e Angeli, e mais tarde na 2ª Bienal de Humorismo y Gráfica de Cuba.  Em 1984, ao desenvolver sua "autobiografia com exageros", começou a publicar no caderno Ilustrada do jornal Folha de São Paulo, convidado por Angeli, onde mostrou vários personagens, entre eles Geraldão, criado em 1981 após ler A Erva do Diabo, de Carlos Castaneda. Logo também vieram Casal Neuras, Doy Jorge, Dona Marta e Zé do Apocalipse. Fez parte do elenco de redatores da TV Pirata e de alguns quadros do programa infantil TV Colosso (assim como Larte), ambos da Rede Globo, para a qual também desenvolveu vinhetas.

Editou a revista Geraldão pela Circo Editorial entre 1987 e 1989 e, nesse período, foi colaborador das revistas Chiclete com Banana e Circo. Músico, também tocava em bandas de rock. Para o público infantil, leitor do suplemento semanal Folhinha criou o personagem Geraldinho, que é uma versão light (no traço e na temática) do seu personagem Geraldão.

domingo, 8 de julho de 2012

Anima Mundi conta a história das animações no mundo.


O Rio vai ganhar uma espécie de caverna hi-tech, que vai contar tudo sobre a história de um dos maiores festivais de animações do mundo. Em sua 20ª edição, o festival Anima Mundi organizou, com o patrocinio da Estácio, a exposição Anima Mundi 20 Anos, uma retrospectiva dos momentos mais marcantes deste que é um dos três maiores festivais do gênero no mundo. O festival vai do dia 13 a 22 de julho. 




Com o uso de tablets e alta tecnologia, a mostra, gratuita e inédita, será inaugurada na próxima terça-feira, dia 10 de julho, no Monumento Estácio de Sá, no Aterro do Flamengo. Além de ser um dos patrocinadores do Anima Mundi 20 Anos, a Estácio é a curadora do monumento projetado por Lúcio Costa. Presente na exposição, a tecnologia dialoga com os 20 anos do Anima Mundi, que sempre mostrou as tendências do universo da animação.

Serão sete atrações para o visitante recordar a trajetória do festival. No teto, três backlights mostrarão recortes dos cartazes de todas as edições do festival. Além disso, três TVs mostrarão foto, biografia e filmes de 83 realizadores que já participaram do evento. Para recordar os melhores momentos dos 20 anos de Anima Mundi, um espaço de cinema com capacidade para 30 pessoas exibirá os melhores curtas e médias metragens da história do festival, selecionados por Aída Queiroz, Cesar Coelho, Lea Zagury e Marcos Magalhães, diretores do festival desde 1993.

Também será exibido um documentário, feito especialmente para a exposição, que vai contar histórias curiosas do período. Em uma das atrações mais tecnológicas da exposição, os visitantes também poderão conferir informações e curiosidades sobre a história do Anima Mundi em 12 tablets acoplados a uma mesa interativa com um mapa mundo desenhado – ali estarão representados países que sediaram o Anima Mundi ou que já participaram do evento, enviando trabalhos.

Relembrando a história das animações, também estará exposto um praxinoscópio, equipamento mecânico que mostra como eram feitas as animações pioneiras do início da tecnologia audiovisual.

"Há mais de 40 anos a Estácio forma gerações de profissionais que contribuem ativamente para as suas áreas de conhecimento e especialização. Para a instituição, é um grande orgulho apoiar um projeto como o Anima Mundi, não apenas pela bela história construída ao longo de 20 anos, mas também porque este evento é uma referência para nossos professores e alunos dos cursos de Cinema, Fotografia, Comunicação, Design Gráfico, entre outros" afirma João Barroso, diretor executivo de Desenvolvimento e Relações Corporativas da Estácio.

Para chamar a atenção para a exposição, a pirâmide do Monumento Estácio de Sá será iluminada com cores alternadas durante o período da mostra, que acontece de 10 de julho a 19 de agosto. A escolha do local para sediar a exposição dá a oportunidade ao visitante de conhecer um patrimônio cultural da cidade, segundo Martha Pagy, coordenadora da exposição.




Serviço:
Anima Mundi Memória
Data: De 10 de Julho a 19 de agosto
Horário: Diariamente, das 11h às 20h
Local: Monumento a Estácio de Sá, Aterro do Flamento, s/n
Grátis Como chegar:De metrô: a 400 metros da Estação Flamengo, passando pela passarela da Rua Rui Barbosa
De ônibus:Da Zona Oeste: linha 316 Da Zona Sul: linhas 123, 128, 177, 415, 413Da Zona Norte: linhas 415, 413
De carro: Pelo estacionamento gratuito do restaurante Porcão Rio's

(publicado originalmente por  Jorge Antonio Barros, no O Globo Blogs)

quinta-feira, 5 de julho de 2012

Angeli - Série Quadrinistas Brasileiros


Nascido em São Paulo, 31 de agosto de 1956, Arnaldo Angeli Filho, mais conhecido com Angeli,  é um dos mais conhecidos chargistas brasileiros. Começou a trabalhar aos catorze anos onde entre um bico e outro já fazia suas charges  e enviava para revista Senhor, além de colaborar em fanzines. Tinha como fortes referências os trabalhos de Ziraldo e Millor Fernandes. Notado, em 1973 foi contratado pelo jornal Folha de São Paulo, onde permanece até hoje. Desde os anos 80, Angeli vêm desenvolvendo uma galeria de personagens famosos por seu humor anárquico e urbano, onde trabalha o caráter político social e expõe tabus de uma maneira bem direta e escrachada.

Entre eles se destacam:
O esquerdista anacrônico Meia Oito e Nanico, o seu parceiro homossexual enrustido (mas não muito);



domingo, 24 de junho de 2012

The Prototype - Trailler




De vez em quando deparamos com uma produção independente absolutamente promissora e pelo que pesquisei e vi este parece ser o caso deste Filme "The Prototype". O cerne da estória  parte da seguinte idpeia: Um brilhante cientista cria um robô humanóide poderoso com habilidades de luta incrível e rapidamente se torna o alvo de uma perseguição do governo.

Escrito e dirigido pelo estreante Andrew Will. Por não estar amarrado a nenhum grande estúdio, pela forma que o filme esta sendo abordado já no trailer e pela aparente mente incrível qualidade nos recursos visuais parece até então um "fita" promissora. A estréia está prevista para 2013. Mais uma vez... aguardemos!

quinta-feira, 14 de junho de 2012

TRON Uprising - animação

Tudo bem que o remake.... remake não vai, review... de TRON não foi nenhuma primazia, mas a ideia sempre foi muito boa. TRON é um daqueles filmes que sem dúvida remontam a minha infância. Originalmente produzido em 1982, quando assisti na TV já devia ter por volta dos 10 ou 11 anos. E sem dúvida foi uma coisa do outro mundo pra mim na época. O conceito é muito forte, podemos até dizer que Matrix de 1989 saiu dali também. Já acostumado ao ritmo rápido e dinâmico dos filmes de hoje, ao reassisti-lo atualmente fiquei meio entediado confesso. Foi quanto veio a continuação de 2010, mas a estória contada no filme  ficou bem aquém do potencial do universo criado, na minha opinião. Parecia mais um filminho de comemoração dos quase 30 anos do original. Esconder o herói e focar no filho do Kevin Flynn foi forçar muito a barra, com o perdão do trocadilho ficou um Clu!!

Mas então a Disney tenta se redimir criando uma série de animação intitulada TRON Uprising - que mal comparando parece ser um "Batman of the future" repaginado, mas pelo menos estão tratando melhor o herói original. Dêem uma olhada no Trailer:


Uprising, tem no elenco de dubladores Elijah Wood, Emmanuelle Chriqui, Mandy Moore, Paul Reubens, Nate Corddr e Lance Henriksen, além de Bruce Boxleitner, o próprio Tron. A série tem direção de Charlie Bean, Joseph Kosinski e Sean Bailey, e roteiros de Edward Kitsis e Adam Horowitz, os mesmos que assinaram o longa-metragem lançado em 2010. (BZZZ MEEEEDOOO).


Bom... pelo trailer da pra ter uma idéia. A Disney XD vai veicular a série nos E.U.A e "dizem" que vão passar no Brasil. Mas, se você não aguenta de curiosidade e quiser realmente assistir o primeiro episódio da série, basta dar uma revirada na WEB que você acaba encontrando, não é mesmo?  Pelo menos é bem mais fácil que achar qualquer coisa de Star Wars - o Lucas controla tudo... :-)

Enfim... de alguma forma eu consegui ver o primeiro episódio... e é promissor! 


quinta-feira, 31 de maio de 2012

Oficina de Introdução a Histórias das HQs.

Ai vai uma belíssima dica para quem mora em Brasília ou região. Sob o patrocínio da Caixa Econômica Cultural, vai acontecer a Oficina de Introdução a História das HQs entre 11 e 22 de junho de 2012, de segunda a sexta das 19 às 21 horas, lá no prédio da Caixa Cultural. Confiram o Flayer abaixo.



quarta-feira, 30 de maio de 2012

Timeline do Universo Marvel - Vingadores

Para aquele que quer entender os acontecimentos do universo Marvel - leia-se, o micro universo Vingadores contendo o Homem de Ferro, Hulk, Thor, Capitão América, Viúva Negra, Gavião Arqueiro e Shild que teem seus direitos de adaptação para o cinema vinculados a Disney/Marvel - foi publicado, pela Marvel, o infográfico Cinematic Universe Timeline Avengers . É um guia para entender cronológicamente as sequencias dos vários personagens de Os Vingadores e como estarão amarradas as sequencias para os próximos filmes. É similar a um arco de estórias dos quadrinhos, também no cinema os filmes individuais acabam contribuindo para o enredo da equipe quando está junta. Estão usando a mesma fórmula.

Clique 2 vezes para visualizar a imagem para um tamanho legível.

Como dá pra perceber, nada de homem aranha ou quarteto fantástico. Como alguns já devem saber, os direitos de exibição em cinema do Homem Aranha é da Sony Pictures, enquanto o do Quarteto Fantástico, atualmente, está com a FOX Films. Portanto, por enquanto, crossover entre os heróis nem pensar.

quarta-feira, 9 de maio de 2012

Aprendendo a desenhar cartoons com os irmãos Piologo.

Vai lá uma dica de leitura de referência!! Para quem gosta de produzir animações com Flash ou similares aí vai uma dica. Dos irmãs Ricardo e Rodrigo Piologo, "Animações e Computadores". Mas aquiete um pouco o facho aí!!! Nesta publicação você não irá aprender a usar o flash, mas sim otimizar os seus traços para que a produção fique mais organizada eflua melhor.


segunda-feira, 7 de maio de 2012

Fancast - Liga da Justiça



O fancast voltou, como são as publicações mais populares do blog não tinha jeito de parar. Este é o terceiro fancast, curiosamente sugerindo um casting para um filme do universo DC. Acredito que o motivo seja óbvio!!! A Marvel faz um filme atras do outro e na maioria das vezes acerta nos elencos. A DC, por sua vez, vive dando bola fora e maltratando seus personagens com atuações pífias e estórias fracas sem amarração.

Então... que comesse a sessão de pitacos gratuitos, sei que muita gente não vai concordar com a maioria das sugestões, contudo, não tenho medo das críticas!! Se a DC pode chamar o Ryan Reynolds pra fazer o Lanterna Verde e gastar uma bába para exibir aquilo, eu posso sugerir qualquer coisa - pois não vou gastar 1 níquel pra isso!!! :-)

Para começar vamos quebrando logo um paradigma que vem desde a década de 70. O Superman não precisa ter necessariamente a cara do Cristopher Reeve. Nada contra o nosso super eterno, até acho que ele será a melhor representação do azulão jamais feita. Para mim, o ator foi o que conseguiu captar a melhor postura e atitude correta do Superman - em todos os tempos. Contudo, o personagem mudou! Na imagem abaixo está o Super repaginado por Jim Lee, os ideais continuam os mesmos do personagem da década de 70, mas sua releitura  é mais inquieta, eu diria até uma pouco mais nervoso do que o personagem  que imprimia as revistas nas decadas de 80 e 90. Para isso é preciso que o ator passe este sentimento, olhar expressivo, inquieto, mas - na maioria das vezes - incorruptível. Para isso Karl Urban foi o escolhido (Senhor dos Anéis, Identidade Bourne, Star Trek, dentre outros). Acredito que ele consiga passar a personalidade que o homem de aço necessite.


domingo, 6 de maio de 2012

SubWars - pense duas vezes antes de ignorar a terceira idade.

SubWars é uma animação no estilo anime japonês onde um velho senhor entra em um metro e não encontra uma alma caridosa que lhe ofereça assento. Indignado ele saca seu sabre de luz e detona com todo mundo :-)
Muito bom! Aperta play e curtaí.

quarta-feira, 2 de maio de 2012

Iron man: Aplicativo de revista eletrônica para andróide.

Veja uma tela do aplicativo que simula uma revista em quadrinhos eletrônica. É uma aplicação do androide, está disponível gratuitamente no market place. Não chega ser uma novidade, já que conferimos em outro post já existir algo construído para browsers de desktop com tecnologia similar em HTML5. Nesta versão você pode verificar, basicamente, as funcionalidades, como a de deslizar as páginas, interagir com alguns objetos de cena que reagem com movimentos e sons, alterando até algumas características do desenho original - Como na parte em que o Jarvis monta a armadura em Tony Stark.  

Como disse, o Aplicativo Iron Man: MarkVII, serve apenas como indicativo do que pode ser usado na leitura de história em quadrinhos via smartfones. Acostumado a quadrinhos e a tecnologia achei bem fraco, não adianta querer transformar uma tipo de mídia em outra utilizando os mesmos recursos. Estão ai os jornais e papel e portais de notícias que não me deixam mentir. Cada um acaba encontrando a sua maneira de contar a estória. Bom, dando um pouco de crédito... digamos que os caras ainda estão tentando.

A boa notícia é que os desenhos ainda são feitos a mão... Ufa!! :-)

sábado, 28 de abril de 2012

The Avengers - Cartazes Promocionais

Os cartazes são seis peças marcantes da arte promo para o filme de super-herói realizados pela Mondo. The Avengers é uma série de cartazes de recente colaboração entre a Mondo - uma "boutique art" celeiro de artistas gerido pelos especialistas em cinema do Alamo Drafthouse em Austin, Texas - e um grande estúdio de Hollywood. 


quarta-feira, 18 de abril de 2012

Bishojo - Arte e Colecionismo

Menina Bonita!!! Este é o significado para o termo em japonês "BISHOUJO", a sua variação "BISHOJO" - sem o U - é utilizada única e exclusivamente para personagens de ação. Existem várias formas de expressão artística do termo, desenho, pinturas, ilustrações e esculturas. Neste post vamos falar um pouco sobre a escultura. São itens de coleção e servem para adornar mesas de escritórios, home office, prateleiras, dentre outras. Uma das formas mais nerd de colecionismo, são muito difundidas no Japão e na América do Norte. No Japão é tão popular que existem fábricas de produção em massa das estatuetas, sempre representando personagens de ação. Um exemplo é a Kotobukiya - fábrica japonesa com filial nos Estados Unidos que fabrica em série vários personagens de ação dos animes e mangás japoneses, assim como personagens - masculinos e femininos - do universo DC Comics, Marvel Comics e Star Wars.

domingo, 15 de abril de 2012

Eisner Awards 2012 - Melhor Artista de capa.


Melhor artista de capa
É o prêmio para melhor capa desenhada. É bem comum ser feita por uma artista convidado, mas não uma regra, a capa é um resumo visual - uma prévia - do que está para acontecer dentro da revista. E os indicados abaixo concorrem comas seguintes capas:


sexta-feira, 13 de abril de 2012

Eisner Awards 2012 - Melhor Colorista, dissecando os indicados.


Já que falta um tempinho até o prêmio agente pode dar uma olhada mais de perto nos indicados em cada categoria. Vamos começar pela categoria de melhor Colorista.


Melhor colorista
Como diz o título do prêmio o colorista é o responsável pelas cores combinação e aplicação das mesmas na obra. Antigamente precisava ter conhecimento em química para conseguir misturas de pigmentos e aplicações em papel para impressão off set. Escolhi duas imagens de cada artista indicado mas é só buscar pelos títulos na internet que você poderá que você terá uma visão mais ampla da obra.

quinta-feira, 5 de abril de 2012

Eisner Awards 2012 - Todos os Indicados ao Oscar dos Quadrinhos em 2012


Will Eisner Comic Industry Awards 2012, acontecerá em em julho deste ano dentro da ComiCon de San Diego. A premiação será em julho, mas já foram divulgados os indicados ao Oscar dos Quadrinhos em 2012. Confiram:



sábado, 31 de março de 2012

Como registrar sua História em Quadrinho ou Desenho.

Hoje em dia é inegável a facilidade que temos para fazer e divulgar nossos quadrinhos, roteiros e personagens que criamos. Quadrinistas amadores, roteiristas, desenhistas e tudo que é ligado a produção de arte sequencial, têm a facilidade de editar eletronicamente uma revista inteira sem precisar necessariamente de ter uma software proprietário para isso. Além disso, não é mais necessário imprimir exemplares para tentar vende-los em banca. Já é possível disponibilizá-los eletronicamente e ganhar dinheiro com os downloads da cópia da obra.

Contudo, para divulgar o seu trabalho sem que algum aventureiro se aproprie do mesmo é necessário uma registro para resguardar os direitos sobre a obra intelectual. Para dar ao autor segurança quanto ao direito de criação sobre sua obra.

Para isso é necessário realizar o registro da obra – seja ela uma história em quadrinhos, um roteiro ou um personagem – no Escritório de Direitos Autorais ( EDA) da Fundação Biblioteca Nacional. Esta é a forma mais eficiente de garantir seus direitos sobre sua produção.

terça-feira, 20 de março de 2012

Fancast - Batman


De volta ao Fancast, imaginando que se tivéssemos todo o dinheiro da mundo para contratar o elenco que quiséssemos, qual seria o elenco de atores atuais que você escolheria para dar vida aos heróis e vilões de sua HQ preferida?

Pois é, aqui vai a lista Banana Quântica de personagens de HQ para o cinema. Fancast de hoje: Batman! 

Imaginando um filme em que o Batman já teria seus 40 e tantos anos, o primero Robin - Dick Grayson - já virou Asa Norturna, o segundo Robin (Jason Todd) já morreu, a Batgirl (Barbara Gordon) já ficou aleijada por causa do coringa e hoje é a Oráculo, Tim Drake é o Robin agora e está com uns 17 pra 18 anos. Este é o cenário, agora vamos conhecer nossos personagens:

Começando pelo protagonista, para Batman - Clive Owen:


veja também